Cuidado

Ex-presidente Temer diz que impeachment virou “moda” e avisa: “É preciso tomar cuidado”

A fala de Temer veio após resposta sobre a possibilidade de Jair Bolsonaro ser alvo de um processo de impeachment.

Ex-presidente Temer diz que impeachment virou “moda” e avisa: “É preciso tomar cuidado”

O ex-presidente Michel Temer/ Foto: Cesar Itiberê/PR

Publicado em 6 de julho de 2020 - 17:04

Por

O ex-presidente Michel Temer (MDB), que foi alçado à Presidência da República após o impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff (PT). Temer disse nesta segunda-feira (6), que o instrumento está virando “moda” no Brasil, podendo ser perigoso.

“Agora pegou um pouco de moda, viu? E não é mais só impeachment na União, é impeachment nos estados, municípios… Pegou um pouco de moda e é preciso tomar cuidado com essas coisas”, disse Temer.

“Virou moda. Não quero dizer isso, porque, me perdoe, se você colocar uma manchete ‘impeachment virou moda’, parece que eu sou contra. Não. Neste momento, o presidente Bolsonaro acho que não está correndo esse risco. Não sei o que vai acontecer daqui a dois meses. Pode acontecer algo desastroso, e aí o impedimento é inevitável.”

O ex-presidente ainda afirmou que por ser uma nação jovem, “ter um terceiro impedimento não é uma coisa boa ao país”.

“O segundo ponto é que, nos contatos que as pessoas têm comigo, não vejo essa disposição do Congresso. Pelo contrário, vejo uma certa preocupação. Nós somos uma nação ainda jovem, você ter um terceiro impedimento não é uma coisa boa ao país. Se ele puder continuar, quando chegar em 2022, o povo diz se quer que continue ou não. Você vai pelo sistema democrático. Eu não vejo utilidade nesse movimento.”

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com