Democracia

No Recife, Ministro da Defesa diz que Forças Armadas estão “isentas da política”

Em passagem pelo Recife nesta terça-feira (16), o general Fernando Azevedo representou o Exército na visita ao centro de comando da Covid-19.

O ministro da Defesa, o general Fernando de Azevedo Silva, fez uma rápida passagem pelo Recife, visitando o centro de comando da Covid-19. Na ocasião, ele concedeu uma breve entrevista na qual falou sobre o papel das Forças Armadas na democracia. Segundo o general, cada poder precisa respeitar o limite do outro.

“Desde a Constituição de 88, quer dizer já são três décadas, nós fomos fiéis e somos fiéis aos ordenamentos jurídico e democrático em vigor. Demos provas disso”, afirmou.

O militar salientou que ele é o representante político do Exército, mas que as Forças Armadas estão isentas da política.

“Estamos voltados para atender ao que falei anteriormente, às nossas operações, aos nossos trabalhos do dia a dia, apesar da Covid. As Forças Armadas estão isentas da política. Eu, como Ministro da Defesa, sou representante político das Forças Armadas, mais ninguém”, confirmou.

Esse foi o segundo dia de visitas na capital pernambucana. As declarações do general ocorrem em meio a especulações sobre as atribuições dos militares no atual momento político do Brasil.

Durante a coletiva, o ministro também foi questionado sobre a permanência ou não do ministro da Educação Abraham Weintraub. De maneira direta, Fernando de Azevedo respondeu que esse cabe ao presidente Jair Bolsonaro. “Não compete a mim da opinião”, completou.

Deixe seu comentário

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Enviar Mensagem
Entre no Grupo de WhatsApp do Portal