Desagradou

“Mortes estão havendo no mundo todo, não é apenas a Covid”, responde Bolsonaro ao ser questionado por uma apoiadora

Eleitora cobrou sensibilidade do presidente pelas mais de 38 mil mortes no país pela Covid-19.

“Mortes estão havendo no mundo todo, não é apenas a Covid”, responde Bolsonaro ao ser questionado por uma apoiadora

Jair Bolsonaro. Foto: Marcello Casal Jr./Agência Brasil

Publicado em 10 de junho de 2020 - 10:36

Por

Revoltada com o número de mortes e de casos pela Covid-19 no Brasil, uma apoiadora do presidente Jair Bolsonaro o questionou sobre o assunto, na manhã desta quarta-feira (10), em frente ao Palácio da Alvorada. Em resposta à mulher (não identificada) que disse ter votado no mandatário, Bolsonaro disse: “Mortes estão havendo no mundo todo, não é apenas a Covid”.

“Nós temos hoje 38 mil mortos por causa do covid. E, assim, não são 38 mil estatísticas, são 38 mil famílias que estão morrendo nesse momento, que estão chorando. O senhor, como chefe da Nação, eu votei no senhor, fiz campanha para o senhor, acho até que o senhor me conhece. E eu sinto que o senhor traiu a nossa população”, cobrou a mulher a Bolsonaro.

Bolsonaro acrescentou quem pessoas morrendo “de fome, depressão e suicídio”.

“Mortes estão havendo no mundo todo, não é apenas a Covid. Agora, querer culpar a mim… Tem muita gente morrendo de fome, depressão, suicídio, uma política feita apenas de um lado”, disse o presidente.

Logo em seguida, o presidente disse que a mulher estava falando “abobrinhas” a respeito da doença e disse que se importa com as mortes pelo vírus.

“Aquela figura falando abobrinha ali. Vem usar uma coisa séria, as mortes, para fazer demagogia aqui. Todos nós respeitamos e temos compaixão pelo pessoal que perdeu um familiar, não importa a circunstância”, salientou.

 

 

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com