Desinformação

Polícia Federal nega estar investigando Daniel Coelho e diz que são falsas as notícias que circulam nas redes sociais

Em nota, o deputado federal disse ser alvo de comissionados do governo de Pernambuco e da prefeitura do Recife que o atacam com fake news em horário de expediente.

Polícia Federal nega estar investigando Daniel Coelho e diz que são falsas as notícias que circulam nas redes sociais

Deputado Federal Daniel Coelho. Foto: Agência Câmara

Publicado em 5 de junho de 2020 - 12:50

Por

A Polícia Federal informou que são falsas as informações de que o deputado federal Daniel Coelho (Cidadania) esteja sendo investigado pelo órgão. A informação circulou nas redes sociais comunicando sobre a existência de uma denúncia que estaria sendo investigada pela PF contra o parlamentar envolvendo gastos no cartão corporativo que teriam sido realizadas em um motel com a participação de crianças menores de idade.

“A PF informa que a produção e o compartilhamento de notícias falsas e boatos é crime e as penas podem chegar a 3 anos de cadeia”, alertou o órgão.

Foto: Divulgação

Em nota, o deputado disse ser alvo de funcionários comissionados do Governo de Pernambuco e da Prefeitura do Recife que o atacam com fake news em horário de expediente. Daniel alegou que a tática é medo do PSB, devido à aproximação das eleições de 2020 e continuou informando que Não existe cartão corporativo para deputado. O congressista encerra a nota indicando que não vai deixar a mentira, a calúnia e a baixaria vencer.

Nota de Daniel Coelho

“Nem precisa explicar muito. Não existe cartão corporativo para deputados. A notícia é totalmente inventada. Os comissionados do PSB, sem respeitar família, filhos, nada, atacam com uma baixaria nojenta a pessoa de Daniel Coelho. É o sinal do medo que eles têm. O texto copiado comprova ser uma ação coordenada. Daniel já mostrou nas urnas e confirma nas pesquisas, porque é nome que PSB tem medo por isso ataca.

Não vamos deixar a mentira, a calúnia e a baixaria vencer.

Compartilhe a verdade.”

Nota da Polícia Federal

“A Polícia Federal informa que são falsas as informações que estão circulando nas redes sociais a respeito da existência de uma denúncia que estaria sendo investigada pela Polícia Federal contra o Deputado Federal, Daniel Coelho sobre gastos no cartão corporativo que foram realizados num motel com a participação de crianças menores de idade. A PF informa que a produção e o compartilhamento de notícias falsas e boatos é crime e as penas podem chegar a 3 anos de cadeia.”

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com