Desemprego

Pior resultado do Nordeste: Pernambuco fecha 53.550 postos de trabalho entre janeiro e abril de 2020

No mesmo período (janeiro a abril) em 2019, o registro negativo foi de 25.698, ou seja, os números desse ano foi o dobro do registrado no ano anterior.

Pior resultado do Nordeste: Pernambuco fecha 53.550 postos de trabalho entre janeiro e abril de 2020

Foto: Reprodução

Publicado em 29 de maio de 2020 - 12:23

Por

Pernambuco é o estado do Nordeste que mais perdeu postos de trabalho de janeiro a abril de 2020, durante a pandemia do novo coronavírus. Segundo dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), foi registrado um saldo negativo de 53.550 trabalhadores que perderam seus empregos.

Só no mês de abril de 2020, 24.965 empregos celetistas tiveram desligamentos e admissões de trabalhadores com carteira assinada, dando a Pernambuco, o título de pior resultado em todo o Nordeste.

No Brasil, foram 860.503 empregos perdidos em abril de 2020. De acordo com a Secretaria do Trabalho, Emprego e Qualificação de Pernambuco (Seteq-PE), tanto para o país como para o estado, este foi o pior mês de abril desde o começo da série histórica do Caged, que teve início em 1992.

Uma pesquisa da Federação das Indústrias de Pernambuco (Fiepe) ao término do primeiro mês de distanciamento social mostrou que 84% das indústrias tiveram redução de faturamento.

Nos quatro primeiros meses deste ano, o Brasil perdeu 763.232 empregos, enquanto no mesmo período do ano passado, houve um saldo positivo de 129.601 postos de trabalho.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com