Indignação

Datena se revolta contra presidente da Caixa sobre possível propina para a tv Band

O jornalista mostrou durante o seu programa a parte do vídeo da reunião ministerial em que Pedro Guimarães afirma que a emissora pediu dinheiro.

Datena se revolta contra presidente da Caixa sobre possível propina para a tv Band

Datena se irrita com presidente da Caixa. Foto: Reprodução/Tv Band

Publicado em 23 de maio de 2020 - 02:43

Por

Durante a apresentação do programa Brasil Urgente ontem (22), Datena fez duras críticas ao presidente Jair Bolsonaro e ao presidente da Caixa Econômica Federal (CEF). O motivo foi a exibição de um trecho de reunião ministerial ocorrida no último 22 de abril.

O jornalista de São Paulo mostrou a parte do vídeo em que Pedro Guimarães alegou o seguinte: “Hoje de manhã, por exemplo, o pessoal da Band queria dinheiro. O ponto é o seguinte: vai ou não vai dar dinheiro para a Bandeirantes? Ah, não vai dar dinheiro para a Bandeirantes? Passei meia hora levando porrada, mas repliquei”.

Ao veicular as imagens, Datena, bastante irritado, falou: “Que palhaçada é essa? E o cara dizer em uma reunião ministerial que a Band queria dinheiro hoje de manhã. Aqui não somos chacais, aqui ninguém é ladrão. Essa emissora tem uma história. E o senhor lave a boca ou então guarde a língua na boca para falar qualquer coisa interna ou externamente dessa emissora que eu respeito”.

Mais adiante o apresentador acrescentou que, se fosse a Band, interpelaria judicialmente o presidente da CEF. Além disso, o apresentador declarou que já tinha feito comercial de graça para a CEF, para ajudar as pessoas a receberem o auxílio emergencial. No entanto, não repetiria mais esse tipo de atitude.

O aborrecimento do âncora encerrou, num dado momento, se dirigindo ao próprio presidente Bolsonaro. Ainda durante o Brasil Urgente, Datena declarou aos telespectadores: “Eu não quero mais entrevistar o senhor presidente da República depois de uma atitude dessa. Gostaria que o presidente da República desse entrevista para quem ele quisesse, com todo respeito que tenho a ele, ao cargo dele, eu me permito nunca mais fazer uma entrevista com ele”.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com