Saída

Ministro da Saúde pede demissão com menos de um mês no cargo

Nelson Teich anunciou saída do cargo após desentendimentos com o presidente Bolsonaro.

Ministro da Saúde pede demissão com menos de um mês no cargo

O ministro da Saúde, Nelson Teich e o presidente da Repùblica, Jair Bolsonaro/ Foto: Marcello Casal Jr/ Agência Brasil

Publicado em 15 de maio de 2020 - 12:14

Por

O ministro da Saúde Nelson Teich pediu demissão nesta sexta-feira (15). O chefe da pasta solicitou a saída do governo do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) após divergências com o mandatário. A notícia foi confirmada pela assessoria do Ministério da Saúde. Teich substituiu Luiz Henrique Mandetta e não chegou a completar um mês no cargo.

Nesta semana, o chefe do Executivo já havia assinados decretos de ampliação de atividades essenciais sem informar Teich. O ministro ficou sabendo da notícia pela imprensa, no meio de uma coletiva do Ministério da Saúde. O mais cotado para assumir o cargo é o ex-ministro da Cidadania, Osmar Terra.

Teich foi chamado para uma reunião pelo terceiro dia consecutivo no Palácio do Planalto durante esta manhã. Ele esteve com Bolsonaro e depois voltou para o prédio do Ministério da Saúde. A demissão foi anunciada logo depois. O ex-ministro receberá a imprensa ainda hoje, às 15h30, no auditório do edifício sede do Ministério da Saúde.

Na hora em que Teich anunciou sua demissão, Bolsonaro estava participando do lançamento de uma campanha de conscientização contra a violência doméstica feita pelo Ministério da Mulher e da Família. E estava acompanhado de sua mulher, Michelle Bolsonaro, dos ministros Onyx Lorenzoni e Damares Alves e não falou no evento.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com