Erro

Mulher não consegue auxílio emergencial, após seu nome constar como “presidente da República”

A mulher deixou a Secretaria de Educação em agosto do ano passado, onde trabalhava como cuidadora infantil.

Mulher não consegue auxílio emergencial, após seu nome constar como “presidente da República”

Foto montagem/Reprodução internet

Publicado em 7 de maio de 2020 - 14:06

Por

A desempregada Adeyula Rodrigues não conseguiu receber o auxílio emergencial de R$ 600 por constar em sua carteira digital do trabalho que tem dois empregos ativos: um deles como “presidente da República”.

O emprego, segundo apurou a repórter Siumara Gonçalves, da Gazeta do Espírito Santo, seria na Secretaria de Educação do Espírito Santo. No outro vínculo, consta que ela é auxiliar de secretaria pela Prefeitura de Vila Velha, o que também não procede.

Tudo leva a crer que o erro foi no Ministério da Economia, porque a Secretaria de Educação não tem a categoria “presidente da República” para listá-la.

Foto: Reprodução / App Ministério da Cidadania

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com