Recife

Prefeitura do Recife entrega maior hospital de campanha contra coronavírus

O hospital foi erguido em 27 dias, no bairro dos Coelhos, sendo o quinto hospital de campanha da Prefeitura do Recife e contendo 420 leitos.

Prefeitura do Recife entrega maior hospital de campanha contra coronavírus

Foto: Andréa Rêgo Barros/Divulgação PCR

Publicado em 20 de abril de 2020 - 13:38

Por

O prefeito Geraldo Julio entregou, nesta segunda-feira (20), o maior hospital de campanha para enfrentamento da pandemia no Recife, com 420 leitos, sendo 100 de Unidade de Terapia Intensiva (UTI). Erguido em 27 dias, no bairro dos Coelhos, o Hospital Provisório Recife 2 ultrapassa a capacidade do Hospital da Mulher do Recife (HMR), no Curado, e do Hospital Provisório Recife 1, na Rua da Aurora, em Santo Amaro juntos.

Em menos de um mês, este é o quinto hospital de campanha entregue pela Prefeitura do Recife para enfrentamento à pandemia. O Plano Municipal de Contingência Covid-19 prevê um total de sete hospitais de campanha municipais, com mais de mil leitos para pacientes infectados pelo novo coronavírus, sendo mais de 300 leitos de UTI com respirador.

“Hoje entregamos o Hospital Provisório Recife 2, uma unidade de 420 leitos, sendo 100 de UTI e 320 de enfermaria, que ficou pronto em 27 dias. É o hospital é o resultado do esforço, do trabalho, da dedicação de muita gente. o quinto já entregue. Aqui vão poder ser realizadas mais de oito mil internações nos próximos meses e muitas vidas serão salvas. É resultado deste trabalho que a gente vem fazendo, com todo mundo querendo ver isso pronto, preparado para receber os pacientes que precisam de atendimento hospitalar. Por isso é tão importante manter o isolamento social, para permitir que ações como essa sejam concluídas”, disse o prefeito Geraldo Julio.

Foto: Andréa Rêgo Barros/Divulgação PCR

Os 320 leitos de enfermaria e 100 de UTIs do Hospital Provisório Recife 2 serão administrados pelo Fundação Martiniano Fernandes, ligada ao Instituto de Medicina Integral Professor Fernando Figueira (Imip).

A abertura dos leitos para os pacientes está prevista para a próxima segunda-feira (27) e será de forma gradual, até atingir o pleno funcionamento. No local, serão atendidos apenas os pacientes encaminhados pela Central de Regulação, contribuindo para desafogar a rede de leitos de todo o Estado durante esta pandemia.

A unidade estruturada pela Secretaria de Saúde (Sesau) do Recife em antigos galpões na Rua Largo dos Coelhos tem uma área construída de mais de 8.000 m². Entre os equipamentos instalados na unidade estão respiradores pulmonares, raio-x, camas hospitalares, monitores de sinais vitais, desfibriladores cardíacos e outros que integram a aquisição de mais de dez mil equipamentos médico-hospitalares anunciada pelo prefeito Geraldo Julio, neste mês.

O hospital ainda conta com área segura para que os profissionais coloquem e tirem os Equipamentos de Proteção Individual (EPIs), além de dormitório e refeitório para a equipe. As paredes internas do hospital de campanha dos Coelhos receberam adesivação com fotos de paisagens e intervenções gráficas, para levar um pouco de vida e de colorido às tradicionais paredes brancas dos hospitais.

Foto: Andréa Rêgo Barros/Divulgação PCR

OUTROS LEITOS – Dos sete hospitais de campanha, quatro já estão em funcionamento nas Policlínicas Amaury Coutinho, na Campina do Barreto, Barros Lima, em Casa Amarela, e Arnaldo Marques, no Ibura, além do Hospital Provisório Recife 1, na Rua da Aurora, em Santo Amaro. Além desses, estão funcionando 67 leitos no Hospital da Mulher, sendo 33 de UTI. O HMR também abrigará um hospital de campanha, na área externa da unidade.

RECURSOS E CONTRATAÇÕES – Para viabilizar a implantação dos hospitais de campanha, a Prefeitura do Recife tem feito cortes de despesas que já chegam a R$ 230 milhões, incluindo revisão de contratos de prestação de serviço, consultorias, locação de veículos, combustível, energia elétrica, materiais de consumo, além de novos aluguéis, passagens aéreas e diárias.

Com essa economia, também foi possível comprar mais de dez mil equipamentos médico-hospitalares para os hospitais de campanha, como os respiradores; adquirir mais de um milhão de itens de Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) e reforçar a rede municipal com a contratação de cerca de 700 profissionais para enfrentamento à pandemia.

Além disso, mais de dois mil profissionais estão sendo contratados diretamente pelas Organizações Sociais (OS) que administram três desses hospitais. Também para agilizar a contratação efetiva de mais profissionais de saúde, a Prefeitura do Recife antecipou em mais de um mês a homologação do concurso público para cargos de níveis médio, técnico e superior da Secretaria de Saúde do Recife.

Desde a última terça, a Sesau está com inscrições abertas para seleção temporária de 40 médicos. O edital de credenciamento para contratação temporária de médicos clínicos, intensivistas e intensivistas pediátricos, em regimes diarista e plantonista, está disponível no site da Prefeitura do Recife (www.recife.pe.gov.br) e no www.credenciamentosesau.recife.pe.gov.br, onde é possível fazer a inscrição gratuita.

Da redação do Portal com informações da Prefeitura do Recife

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com