Proibido

Carros que participarem de carreata poderão ser apreendidos, informa MPPE

Haverá uma recomendação para que a polícia apreenda os carros que participarem do ato

Carros que participarem de carreata poderão ser apreendidos, informa MPPE

Foto: Reprodução/Redes Sociais

Publicado em 27 de março de 2020 - 14:59

Por

Foto: Marcos Pastich

O Ministério Público de Pernambuco (MPPE) informou que a manifestação convocadas para a próxima segunda-feira (30), às 10h, no Marco Zero, a favor da reabertura do comércio no Recife vai contra as determinações impostas pela lei. A determinação do MPPE foi feita por conta do decreto que proíbe a aglomeração de mais de 10 pessoas, assinado pelo governador Paulo Câmara (PSB). Haverá uma recomendação para que a polícia apreenda os carros que participarem do ato.

O procurador-geral de Justiça do Ministério Público de Pernambuco, Francisco Dirceu Barros, informou ao Diário de Pernambuco que “essa convocação nos deixa muito triste, o MPPE não vai entrar em debate ideológico político, somos técnicos jurídicos, não temos capacidade de fazer uma análise econômica e de saúde. Mas estamos lastreados em laudos técnicos e temos que seguir a lei. Existe um decreto que proíbe a aglomeração de mais de pessoas, inclusive uma orientação do Ministério da Saúde e também de órgãos internacionais da saúde”, explicou.

O ato está sendo convocado nas redes sociais por empresários, comerciantes, motoristas de aplicativo e profissionais liberais da capital pernambucana. O trajeto programado pelos organizadores prevê passagem pela Prefeitura do Recife e pelo Palácio do Campo das Princesas, sede do Governo do Estado.
“Sei que é um momento de crise, estamos vivendo um estado de guerra que há danos para a saúde. As pessoas podem morrer e também podem morrer com a crise econômica, mas temos que seguir a lei. Por isso, vou recomendar aos oficias de Justiça que recomendem a polícia para apreender os carros de quem vá para a carreata. Não estou me envolvendo em polêmicas de partido, mas, enquanto chefe do MPPE, preciso fazer cumprir a lei”, concluiu Francisco.

Foto: Reprodução/Redes Sociais

Veja essas e mais notícias em:

Posts Relacionados




WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com