Fernando Haddad: “É duro lidar com um vírus e um verme, simultaneamente”

Haddad escreveu a frase em sua conta pessoal no twitter, mas não citou o nome do presidente Bolsonaro.

Ataque

Publicado em 23 de março de 2020 - 11:19

Por

Ver Perfil - Portal de Prefeitura

Fernando Haddad, ex-candidato à presidência

Fernando Haddad, ex-candidato à presidência/ Foto: Lula Marques

Na manhã desta segunda-feira (23), o candidato derrotado na eleição presidencial de 2018, Fernando Haddad (PT-SP) atacou indiretamente Jair Bolsonaro, por conta da medida provisória que autoriza suspensão de contratos de trabalho por quatro meses.

“É duro ter que lidar com um vírus e um verme, simultaneamente”, postou Haddad em seu Twitter, sem citar o nome do presidente.

A medida provisória

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) editou uma MP (medida provisória) que autoriza suspensão do contrato de trabalho por até quatro meses.

Segundo a MP, o empregador poderá conceder ao empregado ajuda compensatória mensal, “sem natureza salarial”, “com valor definido livremente entre empregado e empregador, via negociação individual”.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com