Advogados pedem teste de sanidade de Bolsonaro ao Ministério Público

De acordo com a representação, as atitudes do presidente parecem “configurar considerável grau de desorientação e confusão psíquica”

Teste

Publicado em 23 de março de 2020 - 12:37

Por

Ver Perfil - Portal de Prefeitura

Foto: Rafaela Felicciano/Metrópoles

No último sábado (21) , um grupo de “Advogados pela Democracia” solicitaram ao Ministério Público Federal do Distrito Federal (MPF-DF), um teste da sanidade para o presidente Jair Bolsonaro (sem partido). O pedido solicita que Bolsonaro seja considerado incapaz para atos da vida civil. Para o grupo, a avaliação psiquiátrica é necessária devido as atuações do presidente em relação à pandemia do novo coronavírus (covid-19).

Segundo o site Congresso em Foco, de acordo com a representação, as atitudes do presidente parecem “configurar considerável grau de desorientação e confusão psíquica”. “Ante o exposto, requer-se seja apreciada a presente representação, na perspectiva de que o MPF/DF, no exercício de sua legitimidade constitucional e legal, proponha ação judicial destinada à interdição do representado, com pedido de constituição imediata e urgente de uma Junta Médica para a sua avaliação psiquiátrica, que possa embasar, se necessário, a sua interdição e a designação um curador, diante de sua incapacidade para o exercício dos atos da vida civil, mormente o exercício do cargo para o qual foi eleito e empossado”, diz trecho da solicitação.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com