Crítica

Eduardo Bolsonaro critica nota de repúdio feita pela líder do PSOL na Câmara

Fernanda Melchiona alegou defesa da jornalista Patrícia Campos Mello, repórter do jornal Folha de São Paulo.

Eduardo, Eduardo Bolsonaro critica nota de repúdio feita pela líder do PSOL na Câmara
Foto: Câmara dos Deputados/Luis Macedo.

O deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), realizou um discurso no plenário da Câmara na noite da última terça-feira (18),  criticando as parlamentares de esquerda após a leitura de uma nota de repúdio feita pela líder do PSOL, Fernanda Melchiona (RS), alegando defesa da jornalista Patrícia Campos Mello, repórter do jornal Folha de São Paulo.

O parlamentar esteve acompanhado das deputadas Bia Kicis (PSL-DF), Chris Tonietto (PSL-RJ), Caroline de Toni (PSL-SC), Soraya Manato (PSL-ES) e Major Fabiana (PSL-RJ). Eduardo disse que aquele era apenas um “discurso político”.

“Esse tipo de discurso também revolta, a deputada diz que fala em nome das mulheres. Calma aí, será que não tem mulher aqui comigo não? Uma banana, em nome das mulheres. Uma banana! Quero saber onde elas estavam quando o Lula falou em mulheres de grelo duro. Onde vocês estavam? Estavam perdendo dinheiro enquanto isso, estavam roubando?”, questionou ele.

Eduardo também criticou a oposição por tentar atrapalhar seu momento de fala, “Democracia é só quando eles conseguem falar o que eles quiserem. Não conseguem ouvir a verdade. Isso daqui não passa de discurso político, isso aqui é a imposição do politicamente correto para tentar calar a boca do presidente Jair Bolsonaro”, completou.

Deixe seu comentário

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Enviar Mensagem
Entre no Grupo de WhatsApp do Portal