Bancos

Novas regras do cheque especial facilitarão controle de gastos de correntistas

O cheque especial é um crédito acessível que fica disponível na conta de correntistas bancários; medida entra em vigor a partir de junho deste ano

Cheque, Novas regras do cheque especial facilitarão controle de gastos de correntistas
Banco Central determina que instituições financeiras deverão informar custo do cheque especial aos correntistas. – Foto: Ascom/Bacen

O Banco Central criou novas regras que obrigam as instituições financeiras a detalharem informações sobre a utilização do cheque especial. As normas permitem que os correntistas bancários controlem com mais facilidade o uso do crédito. 

Para deixar a conta mais transparente, o Banco Central publicou um documento circular que orienta todos os bancos e instituições financeiras a informarem nos extratos os limites do cheque especial, quanto o correntista está devendo, quanto do cheque especial está sendo usado por dia, qual o valor (em Reais) dos juros que será cobrado, e qual a taxa cobrada.

Com as mudanças, ficará mais fácil saber exatamente o que foi contratado e quanto será pago. “Vamos dizer que você tem uma linha de cheque especial de 1.000 reais e utilizou 500. Estão sabe que está negativo em 500 reais. Normalmente, o juros correspondente a utilização desses 500 reais só é descarregado na conta uma vez por mês. Com esse demonstrativo, ele [correntista] já vai saber de quanto é esse juros”, exemplificou a chefe-adjunta do Departamento de Regulação do Sistema Financeiro do Banco Central, Paula Leitão.

A nova norma do cheque especial passa a ser obrigatória a partir de junho deste ano, para os bancos que cobram tarifa de disponibilização dessa linha de crédito. Para as instituições que não fazem essa cobrança, a norma passa a valer a partir de novembro.

Com informações do Banco Central e de A Voz do Brasil 

Deixe seu comentário

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Enviar Mensagem
Entre no Grupo de WhatsApp do Portal