Apoio

Governo Federal apoiará empreendedores de projetos para startups no Nordeste

Serão disponibilizados R$ 2,9 milhões em recursos do Fundo administrado pelo Ministério do Desenvolvimento Regional

Governo Federal apoiará empreendedores de projetos para startups no Nordeste

Foto: Divulgação

Publicado em 17 de fevereiro de 2020 - 12:40

Por

Foto: Divulgação

Os recursos do Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste (FNE), administrados pelo Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR), vão apoiar a criação da primeira linha de crédito da América Latina voltada exclusivamente a empresas nascentes de base tecnológica. A linha FNE Startup passou a ser disponibilizada ao público nesta sexta-feira (14), em todas as agências do Banco do Nordeste.

Empresas de micro e pequeno porte e microempreendedores individuais (MEI) que se caracterizem como startups terão acesso a R$ 2,9 milhões para o financiamento de projetos de inovação de produtos, serviços, processos e métodos organizacionais. Cada projeto poderá acessar até R$ 200 mil, sendo o limite de financiamento de até 100% de seu valor.

As operações de crédito podem contemplar aquisição de bens de capital, folha de pagamento, despesas de remuneração de estagiários, capital de giro, quando exclusivamente associado ao investimento; treinamento, capacitação, aluguel de equipamentos e outros bens, além de serviços necessários à viabilização do projeto.

Também são financiáveis despesas com coworking, prestação de serviços especializados, publicidade e propagandas pagas (paid ads), bem como serviços de armazenamento de dados e gastos relacionados à tecnologia da informação e comunicação (TIC).

O FNE Startup foi criado para fomentar o empreendedorismo ao atrair e manter, nos nove estados do Nordeste, além das porções norte do Espírito Santo e de Minas Gerais, capital humano e modelos de negócios com alto potencial de crescimento.

Mais oportunidades

Administrados pelo Ministério do Desenvolvimento Regional e concedidos por meio do Banco do Nordeste, os recursos do FNE aquecem a economia, geram emprego e renda na região. Possibilitam o financiamento de projetos para abertura do próprio negócio, investimentos para expansão das atividades, aquisição de estoque e até para custeio de gastos gerais relacionados à administração, nos mais diversos setores da economia. Para este ano, estão disponíveis cerca de R$ 29,3 bilhões para empreendedores e produtores do Nordeste.

Da redação do Portal com informações do Ministério do Desenvolvimento Regional

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com