Novo descarta participar de possível unidade da oposição pela prefeitura do Recife

“A gente não identifica em nenhum desses candidatos as características que nós defendemos”, diz Charbel Mauron.

Eleições 2020

Publicado em 14 de fevereiro de 2020 - 13:39

Por

Ver Perfil - Portal de Prefeitura

Foto: Beto Dantas/ Portal de Prefeitura

O pré-candidato a prefeito do Recife pelo partido Novo, Charbel Maroun, afirmou que a legenda não participará de uma possível união da oposição nas eleições deste ano.  Segundo o procurador, a possibilidade de se aliar a outros partidos é descartada devido ao uso do fundo partidário e eleitoral por parte das legendas desses candidatos.

“Só coligaríamos com algum partido se essa legenda não usasse fundo partidário, se abrissem mão de usar o fundo eleitoral para bancar suas campanhas”, disse Charbel.

Maroun argumenta ainda que o Novo não se identifica com nenhum nome colocado pela oposição. “O Novo não usa esses fundos (partidário e eleitoral). Então, seria hipocrisia apoiarmos quem usa. A gente não identifica em nenhum desses candidatos as características que nós defendemos”.

Já para um segundo turno o discurso de Charbel é diferente. “No segundo turno, se formos, aceitaremos um apoio da oposição, mas um apoio de forma republicana, e não por troca de apoios ou conchavos”, argumentou.

Unidade da Oposição

O deputado federal e pré-candidato a prefeito do Recife, Daniel Coelho (Cidadania), afirmou ao Portal de Prefeitura, que a oposição está próximo de fechar uma união para concorrer a prefeitura do Recife. “Espero que todo mundo entenda que o projeto não pode ser individual, nem partidário, tem que ser um projeto de todo mundo. Acho que a gente tá bem mais próximo do que nunca de sair com uma unidade com todos os partidos”, disse.

 

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com