Calendários do Sisu, Fies e Prouni foram suspensos

Estudantes relatam erros no Sisu; ministro diz que não há problemas.

Enem

Publicado em 25 de janeiro de 2020 - 09:15

Por

Ver Perfil - Portal de Prefeitura

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

Na tarde de ontem (24), o Ministério Público Federal pediu, por meio da Procuradoria Regional dos Diretos do Cidadão (PRDC) em Minas Gerais, a suspensão das inscrições e alteração dos calendários 2020 do Sisu, do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) e do Programa Universidade para Todos (Prouni).

O MPF pediu à Justiça Federal que seja feita uma auditoria no resultado do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2019. Também foi solicitado que o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) realize nova conferência dos gabaritos dos alunos que fizeram o exame.

Estudantes relataram na tarde hoje (24), em redes sociais, erros no Sistema de Seleção Unificada (Sisu) como inscrições duplicadas nas primeira e segunda opções e o aumento correspondente das notas de corte em razão do cálculo errado.

Em entrevista à Rádio Nacional da Amazônia, o ministro da Educação, Abraham Weintraub, disse que não há problemas no Sisu. Segundo o ministro, “está tudo sob controle”. “Se tivesse qualquer erro já teria sido paralisado. E assim que terminar o processo a gente vai dar transparência para todo mundo. Sistema está lento porque houve volume gigantesco”, comentou o titular do MEC.

De acordo com alguns relatos publicados, o sistema estaria considerando o canditado apto nas duas opções de cursos pretendidos, o que pode elevar as notas de corte. “Consertem as notas de corte. Você não pode estar dentro das vagas na primeira e segunda atenção opção. Isso é básico”, diz um perfil no Twitter. Outro perfil publicou uma imagem que mostra a nota zerada.

Da redação do Portal de Prefeitura com informações da Agência Brasil. 

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com