Infraestrutura: governo trabalha para aumentar a eficiência dos serviços prestados à população

Confira das principais ações para melhorar os serviços e trazer investimentos para o país.

Investimentos

Publicado em 3 de janeiro de 2020 - 08:47

Por

Ver Perfil - Portal de Prefeitura

Foto: EBC

Nos últimos meses, o Governo Federal concedeu 27 ativos em modais de transporte rodoviário, ferroviário, aquaviário e aéreo. Os leilões renderam R$ 9,4 bilhões em investimentos e R$ 5,9 bilhões em outorgas. O objetivo é aumentar a eficiência dos serviços prestados à população.

Confira ações importantes do governo para o setor:

Rodovias

Ao longo de 2019, o governo também trabalhou para entregar grandes obras de infraestrutura: rodovias foram pavimentadas, portos foram reabertos e o Brasil voltou aos trilhos. Entre as principais obras está a conclusão da BR-163 no trecho que liga Novo Progresso a Miritituba, no Pará.

A obra vai impulsionar a economia e o agronegócio, com fluxo ininterrupto de caminhões que levam safras de grãos do Centro-Oeste para os portos do Norte. O Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) entregou 400 quilômetros de novas pavimentações e foram concluídos 1.400 quilômetros de restauração de rodovias por todo o País. O Ministério da Infraestrutura também reabriu 13 Instalações Portuárias Públicas de Pequeno Porte na região amazônica e ampliou o transporte de passageiros e de cargas.

Concessões e leilões

Aeroportos modernos, rodovias seguras e portos eficientes. Em 2019, foram leiloados 12 terminais aéreos, sendo seis no Nordeste, quatro no Centro-Oeste e dois no Sudeste. Juntos, os ativos geraram outorga de R$ 2,3 bilhões aos cofres públicos, com investimentos na ordem de R$ 3,5 bilhões durante os 30 anos de concessão.

Espinha dorsal do sistema ferroviário brasileiro, a Ferrovia Norte-Sul Tramo Central passou por concessão com outorga no valor de R$ 2,71 bilhões. Quando estiver em pleno funcionamento, a ferrovia vai permitir a ligação contínua entre os portos de Santos (SP) e Itaqui (MA). A ação faz parte de uma das principais estratégias para escoamento da produção agrícola do País.

Na área de rodovias, o governo concedeu à BR-364/365 (GO/MG), no trecho de 437 km entre Jataí (GO) – Uberlândia (MG), investimentos de R$ 2,06 bilhões. O setor portuário também foi contemplado e 13 terminais foram concedidos à iniciativa privada: 3 em Cabedelo (PB), 1 em Vitória (ES), 5 em Belém (PA), 1 em Vila do Conde (PA), 2 em Santos (SP) e 1 em Paranaguá (PR).

Fonte: Agência Brasil

Veja essas e mais notícias em:

Posts Relacionados

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com