Itapissuma

Vereador Jean Carlos Alves é eleito novo prefeito da Itapissuma durante reunião da Câmara no último domingo (22)

O vereador assume o mandato após o prefeito José Bezerra Tenório Filho ser afastado em razão de uma operação deflagrada pela Polícia Civil no município.

Reprodução da Internet/Google Street View

Após José Bezerra Tenório Filho, prefeito de Itapissuma ser afastado do mandato, uma votação foi realizada neste domingo (22), onde o vereador Jean Carlos Alves dos Santos (PSD) foi eleito para presidência da Câmara de Vereadores de Itapissuma e, consequentemente, assume interinamente o comando da prefeitura do municipio. A eleição do vereador ocorreu durante reunião extraordinária realizada na Câmara. Jean Carlos contou com os votos dos 8 vereadores presentes. Do total de 11 parlamentares da Casa, três não compareceram à reunião.

José Bezerra Tenório Filho foi afastado do cargo na última sexta-feira (20) em razão de uma operação deflagrada pela Polícia Civil no município. Os policiais cumpriram 21 mandados de busca e apreensão domiciliar, e suspendeu cinco mandatos de cargo eletivo no municipio. Também durante a reunião de ontem (22), os vereadores Edjane Tavares (PSD), Paulo Roberto Costa (PSB) e Fábio Bento (PSDB) também assumiram as vagas dos parlamentares afastados. Segundo o secretário de Governo, Jefferson Menezes, logo após a reunião, Jean Carlos assinou o livro de posse e conduziu a cerimônia de transmissão de cargo.

Jefferson Menezes, explicou que nesta segunda-feira (23), os representes dos poderes Judiciário, Legislativo e instituições bancarias da cidade “serão informados que Jean Carlos é o novo prefeito de Itapissuma”, ainda segundo ele, nesta semana uma nova votação será realizada para eleger o novo presidente da Câmara. Vale lembra que o prefeito afastado José Bezerra Tenório Filho e as outras pessoas que tiveram mandatos suspensos podem retornar às respectivas funções por ordem judicial.

Investigação

De acordo com a Polícia, foram praticados crimes de falsidade ideológica, frustração de direito assegurado por lei trabalhista e peculato. Outros 12 mandatos de afastamento de funções públicas de servidores foram cumpridos. O Programa Frente de Serviço, voltado para os serviços de assistência social, também foi suspenso por suspeitas de desvio de dinheiro além da quebra de sigilo bancário.

Deixe seu comentário

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com