Inelegível

Em possível disputa em Olinda, Justiça decreta João Paulo inelegível

De acordo com a Justiça, foram detectadas movimentações ilícitas, em contratos firmados por João Paulo, de até R$ 16 milhões.

Foto: Roberto Soares/Alepe

A Justiça determinou que o deputado estadual João Paulo (PCdoB) está inelegível. A decisão veio após a Vara dos Crimes Contra a Administração Pública e a Ordem Tributária do Recife entender que houve condutas criminosas praticadas por ele, enquanto ainda prefeito da capital pernambucana.

De acordo com a determinação, foram detectadas movimentações ilícitas, em contratos firmados por João Paulo, de até R$ 16 milhões. Mesmo inelegível, há indícios que o atual deputado estadual pode ser um dos candidatos à prefeito de Olinda, em 2020.

Veja Mais

Deixe seu comentário

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com