Bolsonaro: “PT usou universidades como fábricas de militantes”

A fala de Bolsonaro aconteceu durante entrevista ao Jornal da Record, nesta segunda-feira (2)

Publicado por: em 3 de dezembro de 2019 - 12:15

Ver Perfil

Combativos

Foto: Reprodução/ Record TV

O presidente Jair Bolsonaro, comentou sobre as críticas recentes feitas por parlamentares ao Ministério da Educação (MEC). Bolsonaro ainda acusou o PT de ter usado as universidades como “uma fábrica de militantes”.

“O Ministério da Educação tem mais de 300 mil servidores. No governo Dilma foram contratados mais de cem mil servidores. O PT usou as universidades como uma fábrica de militantes. E não é fácil reverter tudo isso”, declarou Bolsonaro em entrevista ao Jornal da Record desta segunda-feira (2).

Bolsonaro ainda acrescentou: ” Nas provas do Pisa, que pega o ensino fundamental, nada cresceu, muito pelo contrário, na última prova no início desse ano e querem botar na minha conta o Brasil caiu mais ainda. A partir do próximo triênio, aí sim fica sobre a nossa responsabilidade”.

Ao falar sobre o ministro da Educação, Abraham Weintraub, Bolsonaro disse que o ministro tem desenvolvido um “bom trabalho”.

“O próprio Enem. Acabou aquelas perguntas esquisitas, diferentes, que os pais não gostavam e que atentavam contra os valores familiares. Acabou aquelas perguntas sobre mentiras do período de 64 a 85. Era muita mentira pregada ali. Então, os temas já começam a voltar pro lado de interesse público como um todo. Ele, Abraham Weintraub está fazendo um bom trabalho e deve continuar assim. Essa crítica do parlamento, vem por parte de que grupo parlamentar? De que partido. Tem que ver isso para saber se procede ou não”, finalizou.

Veja a entrevista completa:

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com