Lula diz que é palhaçada da Polícia Federal entrar em sua cela às 6h da manhã

O ex-presidente foi intimado a falar sobre suspeita de R$ 40 milhões envolvidos ilegalmente na reeleição de Dilma Rousseff

Publicado por: em 7 de novembro de 2019 - 20:12

Ver Perfil

Irritação

Foto: Paulo Whitaker/Reuters

Por volta das seis horas da manhã de terça-feira (5) uma equipe da Polícia Federal procurou Lula na cela em que ele está preso desde 7 de abril do ano passado. O objetivo era colher um depoimento do ex-presidente sobre corrupção envolvendo doações ilegais envolvendo a JBS. A PF queria saber detalhes sobre o trânsito ilícito de R$ 40 milhõesde reais. O montante teria a ver com a reeleição de Dilma Rousseff e teria o Partido dos Trabalhadores como um dos beneficiários. Renan Calheiros e Eduardo Braga, ambos do MDB, também são suspeitos na denúncia.

Em entrevista cedida ao “Blog da Cidadania” Lula referiu-se à intervenção da Polícia Federal como “palhaçada”. O ex-político acrescentou que a atitude lhe pareceu uma coerção, frisando bem a hora do ocorrido. Lula está preso na carceragem da PF em Curitiba desde sete de abril do ano passado.

A defesa jurídica do pernambucano também se manifestou sobre o assunto. Além de reinterar a inocência de Lula, o advogado reclamou que não havia sido prévia e formalmente comunicado sobre o contexto direto envolvendo a ação da PF. Cristiano Zanin Martins disse desconhecer o inquérito baseado no qual a Polícia Federal inquiriu seu cliente.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com