Governo vai antecipar pagamento do seguro-defeso a pescadores afetados por óleo no litoral, diz FBC

Anúncio foi feito pela ministra da Agricultura durante reunião articulada pelo líder Fernando Bezerra Coelho com senadores da bancada do Nordeste.

Seguro-defeso

Publicado em 16 de outubro de 2019 - 14:39

Por

Ver Perfil - Portal de Prefeitura

 

Marcelo Camargo/Agência Brasil

O Ministério da Agricultura vai antecipar para 30 de outubro o pagamento do seguro-defeso para os pescadores das colônias afetadas pelas manchas de óleo que atingem o litoral do Nordeste. O anúncio foi feito pela ministra Tereza Cristina em reunião articulada pelo líder do governo no Senado, Fernando Bezerra Coelho (MDB-PE), com senadores da bancada do Nordeste. 
 
“A ministra Tereza Cristina, muito sensível, decidiu antecipar o pagamento do seguro-defeso, que normalmente ocorre a partir de 30 de novembro. Agora, vai ser possível antecipar o pagamento para 30 de outubro para as colônias afetadas pelas manchas de óleo. Esta é mais uma demonstração da sensibilidade do governo federal em relação às questões do Nordeste”, disse o senador.
 
Segundo ele, os estados deverão informar as colônias que tiveram a pesca prejudicada pelas manchas de óleo para que o seguro-defeso seja liberado pelo INSS. “Os senadores têm que provocar os estados, para dizer quais as colônias de pescadores foram afetadas e demandar a liberação do seguro-defeso através do INSS”, explicou Fernando Bezerra.
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com