Suspensão

Gilmar Mendes suspende tornozeleira para Guido Mantega

Mendes foi contra decisão do juiz Luiz Antonio Bonat, da 13ª Vara Federal de Curitiba

Gilmar Mendes, Gilmar Mendes suspende tornozeleira para Guido Mantega
Foto: Michael Melo/Metrópoles

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Gilmar Mendes, suspendeu decisão do juiz Luiz Antonio Bonat, da 13ª Vara Federal de Curitiba, para que o ex-ministro da Fazenda Guido Mantega se apresente à Justiça, onde seria instalada nele uma tornozeleira.

O advogado Fabio Tofic Simantob, que representa Mantega, pediu ao tribunal na semana passada que retirasse de Curitiba o processo em que o ex-ministro é investigado por supostamente receber propina de executivos da Odebrecht.

Depois de Gilmar chamar membros da Lava Jato de “gente ordinária”, mostrando-se contra a operação, ele determinou a suspensão da instalação da tornozeleira por entender que, antes de qualquer medida cautelar, é preciso saber se o processo continuará ou não tramitando em Curitiba.

O Ministério Público Federal fez o pedido alegando que Mantega pode fugir para a Itália, já que possui nacionalidade italiana. Segundo o advogado, os crimes investigados já têm quase uma década. No período, o ex-ministro sempre compareceu a todas as audiências marcadas, jamais dando sinais de que poderia sair do Brasil.

Deixe seu comentário

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com