Projeto de Lei que garante atendimento prioritário a portadores de doenças raras é aprovado na Alepe

Segundo a matéria, “(…) Pernambuco apresenta um número considerável de pessoas com doenças raras, onde as pessoas portadoras dessas doenças, além de todo sofrimento de suportar uma doença, quase sempre incurável, ainda tem que peregrinar para ter tratamento adequado”.

Publicado por: em 13 de agosto de 2019 - 0:15

Ver Perfil

Projeto de Lei

Imagem: Alepe

Por autoria da deputada Clarissa Tércio (PSC), foi aprovado na Assembleia Legislativa de Pernambuco nesta segunda-feira (12) um projeto de lei que determina o atendimento prioritário aos portadores de doenças raras na rede de saúde pública e privada do Estado de Pernambuco.

A deputada já possui um histórico de atenção a esses pacientes. No primeiro semestre, também foi aprovado pela Casa de Joaquim Nabuco um projeto que cria o “Dia Estadual da Mãe Rara”, com o objetivo de conscientizar e lembrar a luta diária que as mães dos pacientes possuem com os seus filhos.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com