Comemoração

Ministra Damares comemora operação da PF contra hackers que atacaram Moro

Agentes da PF cumpriram quatro mandados de prisão temporária e sete de busca e apreensão em São Paulo, em Araraquara e Ribeirão Preto.

Damares, Ministra Damares comemora operação da PF contra hackers que atacaram Moro

A ministra da Mulher, Família e Direitos Humanos, Damares Alves, parabenizou a Polícia Federal (PF) pela prisão de quatro pessoas acusadas de participar do ataque hacker contra o celular do ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro.

Na tarde desta terça-feira (23), a PF lançou a Operação Spoofing cujos alvos são suspeitos de envolvimento na invasão do celular de Moro e de integrantes da Operação Lava Jato.

“O Spoofing  é um tipo de falsificação tecnológica que procura enganar uma rede ou uma pessoa fazendo-a acreditar que a fonte de uma informação é confiável quando, na realidade, não é”, diz a PF em nota.

Na divulgação da operação, a PF trata como organização criminosa o grupo responsável pelo ataque cibernético contra autoridades brasileiras.

A legislação penal define a organização criminosa como “a associação de quatro ou mais pessoas estruturalmente ordenada e caracterizada pela divisão de tarefas, ainda que informalmente, com objetivo de obter, direta ou indiretamente, vantagem de qualquer natureza, mediante a prática de infrações penais cujas penas máximas sejam superiores a quatro anos, ou que sejam de caráter transnacional”, informa o site O Antagonista.

Deixe seu comentário

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com