Ciro Gomes diz que Tabata Amaral deveria deixar o PDT após voto na reforma

, Ciro Gomes diz que Tabata Amaral deveria deixar o PDT após voto na reforma
Foto: Dida Sampaio/ Nilton Fukuda/Estadão

O ex-ministro Ciro Gomes disse nesta quinta-feira, 11, que a deputada Tabata Amaral (PDT-SP) deveria deixar o partido ao lado de outros colegas dissidentes. Ao todo, oito candidatos votaram contra a indicação do partido e Tabata fez uma espécie de “liderança” para esses votos favoráveis a reforma. Embora a cúpula do PDT tenha fechado questão contra a reforma da Previdência.

“Passada a ressaca política, precisamos olhar essa questão com severidade e equilíbrio. Eles deveriam tomar a iniciativa de sair. Estou, como dizia o velho Djavan, com aquele sofrimento de ‘desgosto de filha’”, afirmou Ciro ao Estado. “Essa geleia geral faz com que as pessoas não acreditem mais na política, e, sendo assim, não acreditam na democracia.”

Nesta quinta, porém, afirmou que, primeiro, o PDT precisa “chamar os deputados para conversar”. No jargão político, quando um partido fecha questão significa que está obrigando sua bancada a se posicionar conforme a determinação estabelecida. Caso isso não ocorra, o parlamentar “rebelde” pode ser expulso.

Deixe seu comentário

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Enviar Mensagem
Entre no Grupo de WhatsApp do Portal