Bolsonaro afirma que vai demitir presidente dos Correios por agir como “sindicalista”

, Bolsonaro afirma que vai demitir presidente dos Correios por agir como “sindicalista”
Imagem: Agência Brasil

O presidente dos Correios, general Juarez Aparecido de Paula Cunha, teve a demissão antecipada pelo presidente Jair Bolsonaro em um café com jornalista, no Palácio do Planalto, na manhã desta sexta-feira (14). O motivo seria o comportamento “sindicalista” do militar que, recentemente, participou de audiência pública realizada no Congresso.

Na ocasião, Cunha mencionou que a empresa não seria privatizada, apesar de a venda irrestrita de estatais ser uma das principais bandeiras da equipe econômica do governo, comandada pelo ministro Paulo Guedes. Em entrevista à Veja, há duas semanas, Bolsonaro afirma ter dado sinal verde para a privatização.

Bolsonaro disse que a exoneração deve ocorrer nos próximos dias. O nome do substituto ainda está em estudo pelo Executivo.

Deixe seu comentário

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com