Cidades de todos os estados brasileiros têm atos contra bloqueios na educação

Cidades de todos os estados brasileiros têm atos contra bloqueios na educação

Publicado em 15 de maio de 2019 - 12:31

Por

Protesto em Caruaru-PE (Foto: Anderson Melo/TV Asa Branca)

Algumas cidades brasileiras amanheceram esta quarta-feira (15) com manifestações contra o bloqueio de recursos para a educação anunciado pelo MEC. Os 26 estados e o Distrito Federal registraram atos pacíficos. Universidades e escolas também tiveram paralisações.

Ainda no mês de abril, o Ministério da Educação divulgou que todas as universidades e institutos federais teriam bloqueio de recursos. Em maio, a Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) informou sobre a suspensão da concessão de bolsas de mestrado e doutorado.

Algumas entidades ligadas a movimentos estudantis, sociais e a partidos políticos e sindicatos convocaram a população para uma greve de um dia, nesta quarta-feira (15), contra as medidas na educação anunciadas pelo governo do presidente Jair Bolsonaro.

Segundo o Ministério da Educação, o bloqueio é de 24,84% das chamadas despesas discricionárias, que são aquelas consideradas não obrigatórias, que incluem gastos como contas de água, luz, compra de material básico, contratação de terceirizados e realização de pesquisas. O valor total contingenciado, considerando todas as universidades, é de R$ 1,7 bilhão, ou 3,43% do orçamento completo, incluindo despesas obrigatórias.

Em Pernambuco houve paralisação de professores de universidades federais. Na Zona Oeste do Recife, professores da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) fizeram atendimento à população gratuitamente, como forma de explicar a importância do serviço prestado. Em Caruaru, no Agreste, e em Serra Talhada, no Sertão, manifestantes também foram às ruas.

Este slideshow necessita de JavaScript.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com