Mais municípios podem perder delegacias por falta de pagamento do Governo Estadual

De acordo com o Sindicato dos Policiais Civis de Pernambuco, várias delegacias podem deixar de funcionar em breve.

  • Publicado em 7 de dezembro de 2018

  • Foto: Internet

    Ontem citamos o caso do município de São José do Egito. Na cidade, o proprietário do imóvel deu ordem de despejo para a delegacia que funcionava em seu imóvel.

    Em levantamento feito pelo SINPOL há outras cidades nas quais ficará mais complicado prestar uma queixa ou testemunhar uma prisão em flagrante por delito praticado contra os municípios.

    Aliança, Santa Terezinha, Brejinho, Tuparetama e Tabira podem ser penalizadas com a saída das delegacias da Polícia Civil. A problemática gira em torno de atraso de pagamento do Governo para com os donos dos imóveis que alocaram as citadas delegacias.

    Sobre a delegacia de São José do Egito, o presidente do Sinpol, Áureo Cisneiros, declarou: “Não há outra palavra, senão ‘descaso’ para classificar o que está acontecendo em São José do Egito. O pior é que os maiores prejudicados serão os próprios Policiais Civis, que trabalharão imersos em ainda mais improviso, e principalmente o povo daquela cidade, que precisará se deslocar em mais de 40 quilômetros caso precise registrar um simples boletim de ocorrência. Além disso, os casos de roubos, furtos e assassinatos ocorridos em São José do Egito precisarão esperar o deslocamento das equipes que estarão em Afogados da Ingazeira, o que causará um prejuízo inestimável às investigações. Sem dúvida esse é um quadro que estimula a criminalidade, por isso pedimos encarecidamente que as autoridades responsáveis tomem uma atitude imediatamente”.

    Comentários

    Publicado Por:

    %d blogueiros gostam disto: